Fortnite: cinco jogadores brasileiros que mais lucraram com o game | Esports

0
26270


O cenário competitivo de Fortnite tem torneios com premiações milionárias. A Fortnite World Cup 2019, por exemplo, distribuiu mais de US$ 30 milhões (R$ 120 milhões), em prêmios para os participantes. Há jogadores brasileiros que conseguem bons desempenhos nas competições e faturam cada vez mais com o Battle Royale da Epic Games. Alguns deles já ganharam mais de R$ 500 mil somente com prêmios em torneios. Confira, a seguir, os cinco brasileiros que mais lucraram com o cenário competitivo de Fortnite até esse mês de outubro de acordo com o portal Esports Earnings.

Fortnite: relembre vezes em que o Battle Royale ‘quebrou a Internet’

Fortnite World Cup 2019 foi a competição do Battle Royale com a maior premiação total até o momento — Foto: Divulgação/Epic GamesFortnite World Cup 2019 foi a competição do Battle Royale com a maior premiação total até o momento — Foto: Divulgação/Epic Games

Fortnite World Cup 2019 foi a competição do Battle Royale com a maior premiação total até o momento — Foto: Divulgação/Epic Games

DrakoNz é um jogador natural da cidade de Gurupi, Tocantins. Ele começou sua carreira profissional em 2018 como atleta W7M Gaming. Atualmente joga pela norte-americana Cloud9. Com boas atuações em competições sul-americanas, em especial em duos com seu parceiro Patrick “BlackoutZ” Garcia, drakoNz foi buscando suas primeiras conquistas e premiações com Fortnite. Com destaque para sua participação na Fortnite World Cup, o jogador já ganhou mais de US$ 92 mil (R$ 368 mil) em premiações.

drakoNz é um dos destaques do Brasil no Fortnite — Foto: Reprodução/YouTube Cloud9drakoNz é um dos destaques do Brasil no Fortnite — Foto: Reprodução/YouTube Cloud9

drakoNz é um dos destaques do Brasil no Fortnite — Foto: Reprodução/YouTube Cloud9

Whisheydp é um brasileiro que conseguiu a classificação na Fortnite World Cup na categoria de duplas, ao lado de Gustavo “Gustavox8”. Ele não tinha patrocinadores e era pouco conhecido entre a comunidade brasileira do Battle Royale. No entanto, ele não parou com a Copa do Mundo e buscou seu espaço no competitivo de Fortnite. Com bons resultados nas competições em geral, whisheydp chegou a um lucro de aproximadamente US$ 105 mil, cerca de R$ 420 mil.

Kurtz é um jogador de 14 anos que compete profissionalmente em Fortnite desde janeiro de 2019. Ele já fez parte das equipes da Raid Hawk e QUASAR. O pro player também conquistou sua vaga na Fortnite World Cup e foi o brasileiro com a melhor colocação na categoria solo após ter conquistado a 27° colocação entre os 100 competidores no evento. Com boas atuações em competições como a Fortnite Champion Series e a Cash Cup, kurtz possui ganhos aproximados de US$ 105 mil, cerca de R$ 420 mil.

Kurtz, à esquerda, ao lado do astro Tyler "Ninja" Blevins, foi o melhor brasileiro no mundial de Fortnite — Foto: Reprodução/Twitter KurtzKurtz, à esquerda, ao lado do astro Tyler "Ninja" Blevins, foi o melhor brasileiro no mundial de Fortnite — Foto: Reprodução/Twitter Kurtz

Kurtz, à esquerda, ao lado do astro Tyler “Ninja” Blevins, foi o melhor brasileiro no mundial de Fortnite — Foto: Reprodução/Twitter Kurtz

Leleo também é um jogador que ganhou bastante notoriedade por ser um dos brasileiros classificados para a Copa do Mundo. Presente no competitivo desde janeiro de 2019, o pro-player de 17 anos já passou pelas equipes da TBZN Gaming e Quasar antes de ser contratado pela brasileira FURIA Esports. Por conta de seus desempenhos na Fortnite Champion Series e também na Fortnite World Cup, leleo chegou a um lucro de mais de US$ 110 mil, cerca de R$ 440 mil, com suas premiações.

Patrocinado pela FURIA, leleo é um dos melhores jogadores de Fortnite do Brasil — Foto: Divulgação/FURIA EsportsPatrocinado pela FURIA, leleo é um dos melhores jogadores de Fortnite do Brasil — Foto: Divulgação/FURIA Esports

Patrocinado pela FURIA, leleo é um dos melhores jogadores de Fortnite do Brasil — Foto: Divulgação/FURIA Esports

Nicks é um jogador profissional de 14 anos que começou sua carreira pela W7M Gaming. Hoje ele atua pela organização norte-americana Cloud9. Suas participações em competições começaram no final de 2018, quando começou a faturar suas primeiras premiações da carreira. Seu auge veio nas qualificatórias da Fortnite World Cup, onde conseguiu as vagas tanto na categoria solo como na categoria em duplas, essa ao lado de Pedro “pfzin” Figueiredo. Com isso, ele se tornou o brasileiro que mais lucrou com Fortnite, ultrapassando a marca de US$ 127 mil, cerca de R$ 508 mil, em premiações.

Nicks tem 14 anos e é natural de Itapetininga, São Paulo — Foto: Divulgação/Cloud9Nicks tem 14 anos e é natural de Itapetininga, São Paulo — Foto: Divulgação/Cloud9

Nicks tem 14 anos e é natural de Itapetininga, São Paulo — Foto: Divulgação/Cloud9

Como jogar Fortnite: 5 dicas para mandar bem no Battle Royale

Como jogar Fortnite: 5 dicas para mandar bem no Battle Royale



Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here