Samsung Galaxy A70 e A80 acompanham famlia S10 em preo, mas mudam histrico da linha A


Nos últimos meses de maio e julho, respectivamente, a Samsung iniciou as vendas dos seus smartphones intermediários premium Galaxy A70 e A80 no Brasil. Enquanto o primeiro chegou por R$ 2.499, o segundo ficou disponível por R$ 3.499 como preço sugerido.

Os custos dos aparelhos mais potentes da linha A 2019 se aproximam dos valores cobrados pela mais recente família de flagships da empresa. Os modelos da série Galaxy S10 chegaram ao país a partir de R$ 4.299. Contudo, diferentemente dos preços, a série de intermediários mais recente mudou a proposta em relação aos anos anteriores. Entenda a seguir:

Surgimento da linha Galaxy A



A série Galaxy A surgiu em 2014, com a proposta de ter aparelhos premium com configurações – em especial no chipset e na construção – semelhantes às dos flagships da empresa. Isso se traduziu logo no estreante Galaxy Alpha, o qual contava com um Snapdragon 801 – o mesmo presente no Galaxy S5, além dos 2 GB de RAM – ou um Exynos 5430 – evolução do Exynos 5422 –, este último que chegou ao Brasil.

Nos preços, o primeiro modelo da linha A chegou ao Brasil por R$ 2.199 – R$ 400 a menos que o top de linha do ano.

No começo de 2015, a família foi ampliada para os primeiros A3, A5 e A7, com os mesmos designs avançados e valores entre R$ 1,2 mil e R$ 2,1 mil, conforme a potência. O dispositivo mais avançado mantinha o Exynos 5430 e os 2 GB de RAM do Alpha.

Segundo momento



Em 2016, foi a vez de a segunda geração da família Galaxy A chegar ao Brasil com a mesma linha de manter recursos premium – apesar de já existir uma diferença nos chipsets – e também os preços, ao se distanciar do flagship do ano.

Modelo mais potente da família, o Galaxy A7 (2016) chegou por R$ 2.499 – custo ainda salgado, mas com pouca diferença em relação ao antecessor. Já o Galaxy S7 veio por valores a partir de R$ 3.799. No entanto, características como construção em metal e vidro mantinham aspectos similares também ao top de linha do ano passado – o Galaxy S6.



No ano seguinte, foi a vez de a nova geração contar com aprimoramentos em câmeras e a chegada do Exynos 7880, além de características parecidas com o Galaxy S7, tal qual o display de vidro 3D, e a presença de certificação IP68.

Contudo, o mais potente Galaxy A7 2017 teve redução de custo em comparação ao antecessor e desembarcou no Brasil por R$ 2.300 – contra ao menos R$ 3.999 para o Galaxy S8.

2018, o incio das mudanas



As mudanças na proposta e nos valores começaram desde o ano passado, com o Galaxy A9. Mais rápido da linha A e desta vez com chipset da Qualcomm – Snapdragon 660 –, porém sem certificação IPxx, o aparelho chegou por preço de flagship: R$ 3.500.

A diferença do intermediário premium para o top de linha do ano, que estava em R$ 1.700 em 2018, caiu para R$ 800 – uma vez que a família Galaxy S9 veio por custos acima de R$ 4.299. Entretanto, a aparência dos mid-range já não se assemelhava mais ao flagship do ano passado e a presença de quatro câmeras mostrou que quantidade não é igual a qualidade.

Situao mais recente



Voltando aos principais modelos intermediários premium da marca em 2019, apesar de terem chipsets mais recentes da Qualcomm e memória de top de linha, Galaxy A80 e A70 não conseguiram ter um desempenho mais rápido que o A9 de 2018 nos nossos testes.

Além disso, enquanto o primeiro não convence com sua câmera que gira – e fica atrás em qualidade dos sensores frontais no formato Infinity-O dos S10 –, o segundo chega com uma aparência mais semelhante ao modelo mais fraco Galaxy A50.

A diferença de preço para os tops de linha continua em R$ 800 no preço sugerido, mas com quedas recentes no varejo que aproximam ainda mais os flagships dos intermediários. A tendência é que os principais modelos da linha Galaxy A 2019 fiquem mais atrativos ao consumidor com possíveis promoções futuras.

Para você, as diferenças nos preços de lançamento entre os intermediários e os flagships mais recentes da Samsung se traduzem no que oferecem ao consumidor? Comente conosco!

(atualizado em 15 de agosto de 2019, s 03:12)



Source link

You May Also Like

About the Author: Marisa Ferreira

Pioneiro profissional zumbi. Especialista em internet incurável. Praticante de TV. Comunicador.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *